Projecto da Disciplina de Projecto 3º Ano NTC
pesquisar neste blog
posts recentes

Entrega final, wooo-hooooo!

Testes de Interacção dos Docentes e Usabilidade da Mesa

Entrega Versão Beta

testes versao beta

Actualização das funcionalidades DeCATouch

Lista de bugs protótipo (código, funcionalidades, layout)

Módulos a desenvolver na versão beta

Testes de Interacção dos Docentes

Protótipo de Alta Fidelidade agora com lente

Entrega de Protótipo de Alta Fidelidade

arquivos

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Sexta-feira, 26 de Fevereiro de 2010
Estado da Arte e Briefing

Tal como nos foi pedido nas primeiras aulas de Projecto (sendo que as duas últimas foram dedicadas a esclarecimentos relacionados com o Estado da Arte e o Briefing), este post é dedicado a relatar, por um lado, o resultado das pesquisas por nós efectuadas, onde referimos as nossas preferências - não sendo necessariamente aquelas que pretendemos implementar - e, por outro lado, na secção dedicada ao Briefing, onde se efectua uma apresentação do Projecto DeCAtouch.

Estado da Arte

O levantamento do estado da arte baseou-se, por um lado, na investigação das especificações das diferentes técnicas de construção de mesa usadas (que dependem do tipo de luz) e, por outro lado, nos diferentes tipos de interacção (toque único, multi-toque e uso de fiduciais).

Nas pesquisas efectuadas encontrámos alguns projectos que nos agradaram, um dos quais da Universidade de Londres (1), onde foi desenvolvida uma plataforma multi-toque LLP que disponibiliza, online, todas as fases da construção da mesma. Há, no entanto, um factor menos positivo pois, de certa forma, um projecto deste género poderá ter um custo bastante elevado.


Um outro projecto que tem um conceito bastante interessante é o "multitouch barcelona" (15) em que, com recurso a vídeo, foi criada uma interface humana real. Apesar de ser bastante interessante, não é bem aquilo que procuramos concretizar.

Outro conceito interessante das plataformas MT, mas que também não será o objectivo do projecto, é a Noteput (2), que é utilizada para fins educativos, em que, por exemplo, temos um sistema que reconhece as formas das notas musicas que são colocadas sobre a mesa e se estas se encontram na posição correcta.

 

A nível de Frameworks –

Basicamente todas elas se baseiam no protocolo TUIO (3) (Table-Top User Interfaces Objects) – protocolo desenvolvido especificamente para satisfazer os requisitos das interfaces das mesas tangíveis – que por sua vez se baseia em OSC - OpenSoundControl, um standard emergente para ambientes interactivos, não baseados somente em instrumentos musicais, e que pode ser facilmente implementado em qualquer plataforma que suporte OSC.

TUIO é uma open framework que define um protocolo e uma API (Application Programming Interface - Interface de Programação de Aplicativos) -  comum para superfícies de toque.
Este protocolo codifica e controla dados de uma aplicação tracker (ex: CCV – Community Core Vision) e envia-os para qualquer aplicação capaz de descodificar o protocolo TUIO. Existe um
número crescente de trackers e clientes TUIO para vários ambientes de programação, tal como aplicações que suportam este protocolo.
Esta combinação de trackers, protocolo e clientes TUIO permite um desenvolvimento rápido de interfaces multi-toque baseadas em tabelas.

 

Livrarias para trackear –

http://nuigroup.com/touchlib/ (6)

Livraria para criar interacções em superfícies multi-toque, suporta tracking de manchas DFI ou infravermelhos, e envia eventos multi-toque para software suportado, como por exemplo, carregar, mover, libertar. Interage com a maior parte de webcams ou dispositivos de captura de vídeo.
Actualmente só funciona em Windows mas está-se a procurar que seja suportada noutras plataformas.


http://ccv.nuigroup.com/ community core vision (tbeta) (8)

CCV também conhecida como tbeta é uma solução open-source/cross-platform para visualização e sensibilidade computacional. Trackeia uma stream de vídeo (coordenadas de manchas) e envia dados e eventos (carregar, mover, libertar). CCV interage com várias câmaras e dispositivos de captura de vídeo tal como se conecta a vários através protocolos (TUIO/OSC/XML). Permite multi-toque nas mais variadas técnicas de luz (FTIR, DI, DSI, LLP).

 

Outro Software -> FLOSC v2.0.4 (559) - 93.39 KB (Osc -> Flash proxy)(9)
Inclui TUIO simulator

Existem outras, mas estão em "early development stage", desactualizadas, ou não são de acesso gratuito.
Nesta pesquisa efectuada, apenas nos limitámos a abordar as que suportam flash (12) (13) (22) (23) (24), existindo, no entanto, algumas outras como a PY-MT para a linguagem Phyton (10) (11).

 

Plataformas Multi-Toque

No que diz respeito ao aspecto físico das plataformas Multi-touch, verificamos que depois de surgir a Microsoft Surface (35) e o iPhone (36), houve um “boom” de informação e livrarias de suporte para este tipo de interfaces, surgindo então diversos projectos com diferentes técnicas que exploram estas plataformas multi-toque.

As técnicas de construção de mesas multi-toque mais frequentemente usadas são:

- Frustrated Total Internal Reflection (FTIR)
- Diffused Illumination (DI)
- Laser Light Plane (LLP)
- Diffused Surface Illumination (DSI)

Destas pode referir-se que as DI funcionam com luz do espectro visível e são altamente influenciadas pela luz ambiente. São, no entanto as mais permeáveis ao uso de marcadores fiduciais (figuras de alto-contraste) (5). As restantes têm por base luz infra-vermelha, sendo que a LLP funciona com lasers e as restantes com LED. Estas, apesar da maior facilidade de detecção dos movimentos dos dedos, são mais caras e apresentam uma maior resistência à utilização de fiduciais. Os materiais variam nas diferentes técnicas de construção, utilizando diferentes superfícies para as diferentes técnicas dependendo do comportamento que se pretende da luz utilizada, há ainda que referir que mas técnicas em que se utiliza luz do espectro infra-vermelho há a necessidade de utilizar uma câmara de infra-vermelhos ou modificar uma webcam normal.

 

No que diz respeito à interacção propriamente dita encontraram-se alguns trabalhos da área com alguma relevância. Assim vale a pena referir as possibilidades do multi-toque no que diz respeito à variedade em que a interacção pode ser oferecida ao utilizador, podendo praticar-se desde o simples toque com um só dedo, como o multi-toque com acções simultâneas (por exemplo, escala e rotação ao mesmo tempo) e até ao uso de fiduciais (figuras de alto contraste e reconhecidas pelas frameworks) e gestos pré-definidos (desenhar um círculo despoleta uma acção). Interessa, pois, destacar frameworks previamente referidas, como o TUIO, que permitem a incursão de qualquer um destes paradigmas de interacção numa aplicação. Dadas as possibilidades oferecidas por este tipo de frameworks, é necessário também adequar o interface ao paradigma utilizado. Neste aspecto evidenciam-se as já referidas tecnologias para a construção da mesa, e o ambiente gráfico que se apresenta ao utilizador. Neste campo o estado da arte pode ser um pouco mais complexo de definir, principalmente dado o facto de se poderem adaptar ambientes estéticos típicos de outros paradigmas de interacção como o presente em www.kasulo.ws (37) às especificidades de uma plataforma multi-toque. Alguns factos serão tidos em conta, que julgamos importantes neste tipo de plataforma, nomeadamente a necessidade de uma ajuda constante, mas ao mesmo tempo bem diluída no ambiente gráfico e ao mesmo tempo uma estética minimalista, capaz de centrar a experiência não necessariamente no apelo visual, mas centrada na interacção.

Análise SWOT

Forças: o facto de ser uma plataforma multitoque, independentemente do objectivo desperta a curiosidade de interacção por parte dos utilizadores, permitindo a interacção de mais do que um em simultâneo.
É um produto inovador e, a sua ainda pouca divulgação, pode constituir-se como um facilitador no despertar da atenção por parte dos eventuais utilizadores.
 
Oportunidades: É um produto relativamente novo no mercado, então existe uma maior possibilidade de melhoramentos, explorar  novos produtos com base nesta tecnologia.

Fraquezas: O facto de ser relativamente recente, é um produto ainda um pouco prematuro.
Algumas das técnicas multi-toque serem demasiado dispendiosas financeiramente.

Ameaças: Dar continuidade e suporte à projecto depois de desenvolvido.

 

 

 

 

Referências:

1 - http://nuigroup.com/forums/viewthread/6890/
2 - http://zootool.com/watch/ej4ub9/

 

Multi Touch 


3 -
http://www.tuio.org/ 
4 -
http://reactivision.sourceforge.net/ 
5 -
http://code.google.com/p/fiducialtuioas3/ 
 
6 -
http://nuigroup.com/touchlib/ - WINDOWS 
7 -
http://code.google.com/p/qmtsim/ - WINDOWS 
8 - http://ccv.nuigroup.com/
9 - http://www.benchun.net/flosc/
10 - http://pymt.txzone.net/
11 - http://code.google.com/p/pymt/  


 
AS3 


12 - http://www.greensock.com/ 
13 - http://hype.joshuadavis.com 

 

AMFPHP 


14 - http://www.amfphp.com/ 
 
Refs / Projectos
 
15 - http://www.multitouch-barcelona.com/ 
16 - http://nop.blogs.sapo.pt/ 
17 - http://nuigroup.com/forums/viewthread/6890/ 
18 - http://sethsandler.com/ 
19 - http://www.maximumpc.com/article/features/maximum_pc_builds_a_multitouch_surface_computer 
20 - http://www.instructables.com/id/Interactive-Multitouch-Display 
21 - http://gestureworks.com 
22 - http://www.ideum.com/2010/01/true-multitouch-with-adobe-flash 
23 - http://nuigroup.com/forums/viewthread/7086 
24 - http://nuiman.com/view/lux 
25 - http://code.google.com/p/mapstouch 
26 - http://www.so-touch.com 
27 - http://www.xtuio.com 
28 - http://www.sensory-minds.com 
29 - http://code.google.com/p/simtouch 
30 - http://tui.formundzweck.de 
31 - http://www.multigesture.net 
32 - http://multitouchvista.codeplex.com 
33 - http://www.perceptivepixel.com 
34 - http://johnnylee.net
35 -
http://www.microsoft.com/surface/
36 - http://www.apple.com/iphone/
37 -
www.kasulo.ws

 

Todas estas referências se reportam à semana entre os dias 15 e 20 de Fevereiro de 2010.

 

Briefing

 

O projecto DeCAtouch consiste numa plataforma de front-end e back-office para publicação de trabalhos dos alunos do DeCA. Constitui, no entanto, elemento diferenciador, o facto da parte da interacção de front-end se dar numa mesa multitoque. Desta forma, assume-se à partida que a parte de publicação dos trabalhos propriamente dita será uma aplicação web com base em MySQL e PHP, sendo que as tecnologias utilizadas no front-end se irão centrar no AS3, recorrendo a frameworks para o efeito.

Partindo do princípio que o público-alvo se situa numa faixa etária maioritariamente abaixo dos 30 anos de idade (potenciais alunos) e que, mesmo os de idades superiores são pessoas relativamente info-incluídas e familiarizadas com os paradigmas da interacção homem-computador, pode dizer-se que a construção do interface poderá influir no sucesso com que os utilizadores utilizarão a plataforma. No que diz respeito ao backoffice pode dizer-se que funcionará numa base relativamente conhecida para o público-alvo da mesma, sendo que, para esta parte da aplicação, o público-alvo são exclusivamente os alunos do DeCA. Assim procurar-se-á integrar na aplicação em causa os dados do utilizador universal da Universidade de Aveiro, possibilitando, assim, o acesso aos alunos da instituição referida. Desta parte da aplicação fará parte um ambiente muito semlhante aos já conhecidos pelos alunos para poderem publicar os seus trabalhos em formatos a definir. Estes serão mostrados numa plataforma multitoque, sendo que o seu principal objectivo é promover a criatividade dos alunos do DeCA, diluindo-os, no fundo, num ambiente, ele próprio, permeável a novas formas de interacção e, consequentemente, criativo.

Assim, pode dizer-se que a principal função deste trabalho será a de mostrar o trabalho realizado no DeCA a pessoas externas ao departamento que visitem o mesmo. Note-se, então, a função de “montra do DeCA” que se espera obter a partir do trabalho.

Enaltece-se, finalmente, a necessidade da aplicação possuir mecanismos de ajuda à navegação quase transparentes ao utilizador, incluidos num ambiente inovador e minimalista.

 


tags: , ,

publicado por fjsbaiao às 14:34

Segunda reunião de orientação

A segunda reunião de orientação presencial, ocorrida no dia 22 de Fevereiro, baseou-se, fundamentalmente, num primeiro momento, na indicação do ponto da situação dos trabalhos. Posteriormente o professor Nuno Ribeiro procedeu a um "workshop" de Flex, ferramenta da Adobe que nos vai ser muito útil ao longo do projecto.

Para além de dicas básicas próprias para quem nunca tinha contactado com o software, o professor ainda foi esclarecendo as dúvidas que iam surgindo.

Foi um final de tarde produtivo!


tags: , ,

publicado por fjsbaiao às 13:51

Pesquisas iniciais



Exemplos de projectos que encontrámos aos quais achámos bastante interesse:

Plataforma Multi-touch "City University London"
link:
http://nuigroup.com/forums/viewthread/6890/

 

 

Multi-touch Barcelona
link página do projecto: http://www.multitouch-barcelona.com/

 

 

10/GUI - Multitouch Interface for a windows based enviroment

10/GUI from C. Miller on Vimeo.

 

 

Noteput - Interactive music table

Noteput – Interactive music table from Jonas Heuer on Vimeo.

 



publicado por rui-miguel às 11:06

editado por dinisadriano às 15:41

Primeira reunião de orientação

Foi no passado dia 8 de Fevereiro que tivémos a primeira reunião com o coordenador (professor Nuno Ribeiro) que nos deu algumas informações sobre a forma como iriam decorrer as sessões seguintes. Nesse primeiro contacto foi agendado o horário de reunião presencial assim como nos foi dada a indicação de que haverá um horário, igualmente semanal, de "reunião" online.

Dessa primeira reunião, para a qual o professor nos preparou uma série de links com informações importantes no que diz respeito a mesas multitoque, actionscript 3 e a alguns projectos referência, saiu a ideia de que se pretende fazer um trabalho que sirva de "montra" para trabalhos realizados no Departamento de Comunicação e Arte (DeCA) usando para o efeito uma mesa multitoque com recurso a programação em AS3.

 



publicado por rui-miguel às 11:05

editado por fjsbaiao às 12:12

mais sobre mim
Julho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


tags

todas as tags

subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários